PB Visual "

Se você não tem uma ideia de como é um playback visual, a baixo segue um vídeo da empresa Lillenas divulgando este material do musical de páscoa “Love is Alive” – lançamento no E.U.A. -, assim podemos imaginar como a C & C Tempo elaborou essa ferramenta para nós brasileiros para o musical “Era Uma Vez Uma Noite Santa“. Mais uma forma de trazer um toque a mais do esplendor dos musicais. Assiste e forme a sua opinião a respeito dessa novidade.

Como Escolher Sua Cantata ou Musical?

Escolher uma boa cantata/musical não é uma tarefa fácil e pequenas informações fazem uma grande diferença.

Muitos regentes/maestros já têm experiência suficiente com o coral e com a igreja para saber se o material escolhido por ele vai ou não agradar. Mas, se para os maestros/regentes com sólida formação musical e experiência, que conhecem bem o seu coral, ensaiam exaustivamente, têm bons solistas e coristas essa escolha não é uma tarefa fácil ou nem sempre é aprovada por todos, imagine para os assumem a responsabilidade de apenas apresentar um musical e ensaiar o coral?

Para ajudá-los a escolher melhor o seu musical, resolvemos criar algumas dicas que poderão serão preciosas e definir o sucesso da escolha, é claro, jamais esquecendo que a oração é a principal arma que devemos usar nesses momentos de impasse.

1) Busque nos sites das gravadoras informações importantes como: tempo de duração do musical, estilo, qualidade do material, entre outros.

2) Ouça os musicais com calma, a maioria das gravadoras brasileiras disponibilizam as músicas para audição parcial ou total em seus sites. Não se preocupe se não conseguir ouvir toda a música, o corte geralmente é feito em partes repetidas como o refrão, pois o objetivo é apenas evitar que pessoas mal intencionadas baixem a música e nunca atrapalhar a sua análise.

3) NUNCA escolha um musical baseado no seu gosto pessoal.

4) O cd demonstração não é uma biblia que deverá ser seguida à risca, pois assim como a maioria das gravadoras adaptam os musicais para agradar o público brasileiro, você também poderá fazer a sua para adequar um solo, por exemplo, ao material humano disponível em sua igreja. Usar a criatividade e o seu conhecimento poderá deixar tudo muito mais interessante e apropriado.

5) Se a íntegra de um musical não é o indicado para o seu coral, não significa que algumas músicas não serão. Então, ouça e escolha as músicas que poderão ser usadas em outras oportunidades. Fazer uma compilação usando músicas de outros musicais sempre dá certo!

6) Verifique se todos os arranjos vocais serão compatíveis com o seu coral. Você pode causar sérios problemas de saúde em seus coristas como pólipos, nódulos, fendas nas cordas vocais se insistir em uma escolha errada.

7) Busque musicais com letras teologicamente corretas e coerentes com os princípios biblicos. Ouvir com mais um pouco de cuidado poderá deixá-lo mais seguro.

8) Busque por musicais envolventes, alegres, interessantes que motivem a igreja a adorar a Deus e não ser uma mera expectadora. Você verá uma grande diferença se tiver isso em mente na hora da escolha, pois um musical monótono e sem expressão será muito cansativo e desanimador.

9) Procure musicais que dê para envolver outros departamentos da igreja (infantil, adolescentes, dança, surdos/mudos) essa interação gera grandes resultados na união da igreja. Dá trabalho, mais o resultado final é super dinâmico.

10) Após a escolha do seu musical, não deixe de adquirir o material original completo como: cd demonstração, kits de ensaio e partitura. Isso irá facilitar o seu trabalho.

Um blog criado recentemente poderá facilitar a sua escolha, pois lá você irá encontrar TODOS os musicais disponíveis no Brasil, então coloque em seus favoritos: www.cantatasemusicais.blogspot.com

Deus te abençoe e boa sorte na sua próxima escolha.

Fonte: Blog Grupo Hermom. Redigida pela Sarah Gil.

Kit’s de Ensaio

Kit de ensaio é uma ferramenta útil para agilizar o aprendizado e o trabalho feito com o coral.
Hoje encontramos kit’s diferenciados, como: com voz, somente notas e o “split”. Cada um tem o seu benefício e o seu malefício.

Podemos destacar no kit de voz o aprendizado da letra e a orquestração.
Um dos pontos negativo é que alguns vem com erros e os coristas tentam imitar a “voz” do cantor(a) que gravou o kit.
Já no kit “tocado” não há a preocupação do corista tentar imitar a voz e também com este kit as notas são mais fáceis de assimilar.
Infelizmente com ele não há letra, sendo assim o aprendizado é mais demorado e às vezes alguns kit’s não vem como desejamos.
Desta forma, cada kit vem auxiliando o trabalho coral e impulsionando esta atividade.

Partitura

Um instrumento valioso para os regentes, guia e facilita o aprendizado do musical e quando temos dúvidas é só recorrer a ela, pois terá a solução.
A partitura coral geralmente vem com a pauta vocal e do piano.
Algumas editoras/gravadoras trazem notas de produção e estudo bíblico (uma nova ferramenta).

Comprar esse material é mais fácil pela internet, visto que as lojas evangélicas não apostam mais em música coral, infelizmente.

Para ensaiar um coral a partitura é necessária, porque reger sem a mesma, é impossível, exceto se o maestro/regente decorrar toda a peça.

É sempre bom comprar partitura não só pra ensaiar o coral, mas também para escolher algumas músicas para o repertório e o musical, só assim é possível saber se as músicas estão no nível do coral.

Esperamos que os corais brasileiros possam ter pessoas que saibam ler o pentagrama e utilizar ao máximo esta ferramenta, pois ela nos ensina a cada virada de página coisas que nem pensamos.
Pense nisso! Use e abuse da partitura!

Playback // Playback com Narração

Playback é muito utilizado no Brasil pela facilidade e praticidade que este material oferece.
Hoje muitas igrejas que têm uma orquestra sólida preferem usá-lo nos musicais, isto porque infelizmente o material para orquestra é caro e não encontramos muita variedade no mercado brasileiro.
O playback com narração auxilia os coros pequenos e traz mais segurança para o regente, pois a narração está sicronizada com a trilha sonora.
Os maestros e regentes preferem o playback sem narração porque é mais fácil para adaptar certos trechos e as narrações e/ou cenas teatrais ficam mais naturais.

CD Demonstração

Este material serve para dar a visão geral do musical, portanto o único meio de conhecer as dificuldades do musical e conferir se as narrações e as versões das músicas estão de acordo com a bíblia.

O CD demostração é o único apoio para os solistas, já que nos kits de ensaio, normalmente, os solos não estão inseridos e mostra para o coral como deverá ser o resultado final da peça.
Porém, o melhor deste material é a possibilidade que temos de apreciar os grupos que gravam as cantatas e fazem músicas com qualidade e ficar imaginando como seria com em nosso coral.
Resumindo, o CD Demonstração é um material para ser estudado e apreciado por todos os coristas e é através dele que os maestros e regentes podem escolher o musical que melhor se adaptará a sua igreja e as vozes disponíveis em seu coral .

Partitura Vocal

Hoje podemos encontrar várias empresas utilizando este recurso. Mas, qual é a finalidade? A partitura vocal serve para que o coral possa ter um contato maior com a música e facilitar o aprendizado.

Este material é desenvolvido sem notas de produção, narração e a pauta do piano, somente com a pauta vocal. Desta forma o número de páginas são reduzidas e o custo menor.

É um material muito válido e interessante, pois os coristas aprenderão a leitura do pentagrama e ao mesmo tempo o musical e se sentirão mais seguros na hora de cantar, tendo uma referência correta.
O aprendizado se torna mais dinâmico e leve e não chato e cansativo. Consequência: Um resultado final mais rápido e seguro.

Playback em DVD – Era uma vez uma noite santa

Se você nunca ouviu falar desse produto, leia uma breve explicação de como funciona o modelo americano passada pelo nosso parceiro Darcio Junior.

“- Bom… primeiro, o playback visual é disponibilizado em DVD (poderia até ser CD, mas a qualidade seria limitada) que pode ser rodado até em laptop/ netbooks/ notebooks ou em qualquer computador ligado ao projetor multimidia da igreja (datashow). Se a igreja não tiver, é possível alugar um por preço bem competitivo ou pegar emprestado em escolas/ faculdades.
Trata-se de um experiência completa de louvor e adoração, pois além da apresentação ao vivo do coral (na parte vocal e pode ser até usado ao vivo, se a banda ou orquestra tiver ponto eletrônico de retorno), a igreja experimentará o recurso visual como forma de intensificar nossos corações no Senhor neste precioso momento da apresentação.

O playback visual em DVD conta ainda com recursos que permitem usar uma base vocal simplificada para coros pequenos ou com dificuldade nas canções mais complicadas. Além disso, as letras são projetadas em perfeita sincronia com o que está sendo cantado, evitando eventuais atrasos da projecão em power point. Imagens enriquecem ainda mais a apresentação, porém numa sequencia que não fará a igreja se desviar do coral, mas numa combinação harmônica da interpretação ao vivo com a importância daquilo que está sendo cantado, favorecendo a reflexão e intensificando a adoração.
A qualidade stéreo do playback visual pode ser utilizada para grandes corais ou grupos vocais que estão bem preparados para a apresentação do musical.

Playback visual: abra seus olhos para a canção que Deus tem preparado para seu coração!”


Grupo Hermom – Era uma vez uma noite santa – Lançamento C&C Celebration

Playback em DVD